Eu aceito os cookies deste website.

Usamos cookies para fazer este website melhor. Para saber mais sobre estes cookies, por favor, leia nossa Política de cookies.. Caso você continue sem alterar as suas configurações de cookies, você estará consentindo com seu uso. Porém, caso você tenha interesse em remover nossos cookies, encontrará como fazê-lo na nossa política de cookies.

Plano de emergência, equipamento e ambiente

Antes de jogar Rugby há uma série de verificações que devem ser feitas para assegurar-se que todo o equipamento e ambiente estão Rugby Ready. É também importante desenvolver um plano de emergência para garantir que, se um incidente ocorre, todos os envolvidos sabem o seu papel e suas responsabilidades, e que o incidente é então gerido de forma eficaz.

Equipamentos individuais do jogador

Jogadores podem ajudar a si mesmos e potencialmente prevenir lesões para si e os outros jogadores certificando-se da utilização de equipamentos apropriados.

Protetor bucal

Recomenda-se que todos os atletas utilizem protetores bucais feitos por encomenda durante os treinos e jogos. Um bom protetor bucal protege os dentes e os tecidos frágeis da região da boca e pode prevenir uma fratura de maxilar. Desde que estes protetores se tornaram obrigatórios na Nova Zelândia em 1997 ocorreu uma redução de 47% em lesões odontológicas relacionadas ao Rugby. Protetores que se moldam aos dentes e à arcada dentária promovem melhor grau de proteção.

Há duas considerações importantes em um protetor bucal, o ajuste de modo que seja mantido facilmente distribuindo as forças corretamente, e sua capacidade de absorver energia (material e espessura).

Calçados

As chuteiras dos atletas devem estar em boas condições e serem apropriadas para a superfície de jogo. Travas/cravos devem ser adequados às condições de campo e devem estar em conformidade com as especificações do World Rugby (Regulamento 12) - ou seja, não devem ser superiores a 21 milímetros, e não devem ter quaisquer rebarbas ou bordas afiadas.

Capacetes e protetores de cabeça

Proteções para cabeça podem prevenir pequenas lesões dos tecidos da cabeça e orelhas. Este material deve vestir apropriadamente. Não existem evidências de que estes equipamentos ofereçam proteção contra concussão.

Protetores de cabeça não são recomendados a todos os jogadores, porque existem evidências de que eles podem incentivar comportamentos de risco. A forma mais importante de prevenir lesões na cabeça é o de assegurar que os jogadores tenham boa técnica de tackle e nas outras fases de contato do jogo.

Equipamentos acolchoados

Pesquisas demonstram que este tipo de equipamento pode ajudar a reduzir o número de cortes nos jogadores. Não protege das maiores lesões e não devem ser utilizados como meio a permitir o regresso de jogadores lesionados antes de sua recuperação total. Para todos os jogos, este tipo de equipamento deve estar de acordo com as Leis do Jogo, regulamentação World Rugby e ter sido por esta aprovado. Todo equipamento aprovado por esta instituição terá o símbolo indicado abaixo.



Uma verificação de segurança antes do jogo pelos árbitros identificará itens potencialmente perigosos como anéis, brincos, piercings ou equipamentos que não cumpram as especificações da World Rugby.


Para mais informações sobre as disposições relativas à indumentária dos jogadores, ver o Regulamento World Rugby 12 em playerwelfare.worldrugby.org/reg12